Deputados pedem cassação

Publicado: janeiro 20, 2009 em Sem-categoria

Fonte: Gazetaweb – reportagem de Bruno Soriano e Janaina Ribeiro

Os deputados estaduais Manoel Sant’Anna (PTB), Pastor João Carlos (PTB) e Hélio Silva (DEM) foram à sede da Polícia Federal (PF) na manhã desta segunda-feira denunciar ameaças de morte que estariam sofrendo por parte dos deputados indiciados na Operação Taturana e afastados do cargo por suspeita de envolvimento no esquema de desvio de recursos da Assembleia Legislativa de Alagoas (ALE).

João Carlos é um dos deputados que estariam sendo ameaçados. Foto: Assessoria
O deputado João Carlos informou que irá pedir ao superintendente da PF, José Pinto de Luna, uma maior ‘aproximação’ por parte do órgão junto ao trabalho daqueles que assumiram o mandato em conseqüência da operação desencadeada em dezembro de 2007. “O superintendente está viajando, mas já agendamos um novo encontro, no qual vamos solicitar a quebra de nosso sigilo telefônico”, relatou o parlamentar, que atribui as ameaças, feitas por telefone aos três ‘deputados suplentes’. “Nas ligações, um homem diz que temos de ter cuidado porque estamos mexendo com o patrão dele”, lembrou.

João Carlos, Manoel Sant’Anna e Hélio Silva também estiveram na sede do Minictério Público Estadual, para relatar as ameaças ao procurador-geral de Justiça, Eduardo Tavares. “Também tratamos do tão cobrado afastamento dos quatro deputados indiciados e que ainda permanecem no cargo [Paulão, Marcos Barbosa, George Clemente e Temóteo Correia]”, emendou.

Eles também irão protocolar, ainda nesta segunda, requerimento junto à Assembléia Legislativa solicitando à Mesa Diretora a cassação dos deputados indiciados. “A ameaça partiu deles. Apenas atendemos um reclame da sociedade”, resumiu João Carlos, complementado pelo deputado Manoel Sant’Anna. “Confiamos nesta Mesa porque a elegemos. Por isso, vamos formular o pedido, apesar do recesso parlamentar. Mas também provocamos nosso partido, o PTB, já que também existe a possibilidade de a legenda pedir a cassação dos deputados”, explicou Sant’Anna.

Ele não acredita que a intimidação tenha partido dos deputados afastados. “Acredito que tenha sido uma atitude de um ‘apaixonado’ por algum desses deputados e que não considera o povo alagoano”, disse. “Mas isso não nos afeta porque Deus está nois protegendo”, emendou o colega Hélio Silva.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s